FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Setembro 2014
Ciclo do Divino Espírito Santo 2014



Quando: de maio a setembro
Quanto: Gratuito

Em atenção à Lei Municipal nº 8010/2009, a Fundação Franklin Cascaes organiza a abertura do ciclo de festividades há cinco anos, assim como apoia a realização da festa em várias comunidades do município. Em Florianópolis, o calendário cultural alusivo ao Divino Espírito Santo abrange o período de maio a setembro. Em 2014, abertura do Ciclo do Divino Espírito Santo será sábado, dia 24 de maio, no Centro da cidade.

Em 2014, integraram o ciclo de festividades do município as comunidades da Lagoa da Conceição, Monte Verde, Ribeirão da Ilha, Prainha, Trindade, Estreito, Rio Tavares e Pântano do Sul (junho); Campeche (julho); Barra da Lagoa (agosto); e Santo Antônio de Lisboa, Rio Vermelho e Canasvieiras (setembro).

O bairro de Canasvieiras sedia o último evento do Ciclo do Divino Espírito Santo em Florianópolis. Contando com diversas atividades culturais e religiosas durante três dias, a festa começa na sexta-feira, 26 de setembro, com um cortejo imperial pela rodovia Tertuliano de Brito Xavier, nas imediações da Igreja São Vicente de Paula, e inclui também gastronomia típica, novenas, bingos e shows. No domingo, 27 de setembro, às 17h, acontece o encerramento do ciclo de festividades, com a presença dos casais festeiros de 2015.


A Prefeitura da Capital, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes, vem apoiando as Festas do Divino Espírito Santo que ocorrem anualmente no município, no período de maio a setembro. Registrada como patrimônio histórico, artístico e cultural de Santa Catarina (Lei Estadual nº 15.731/2012), essa tradição foi introduzida pelos imigrantes vindos dos Açores em 1748, enraizando-se no litoral catarinense.

Festa do Divino

Mesclando elementos religiosos, profanos e folclóricos, a Festa do Divino é comemorada a partir das celebrações de Pentecostes (50 dias após a Páscoa), envolvendo um expressivo conjunto simbólico que traduz a devoção ao Espírito Santo. Os festejos abrangem peditórios, novenas, promessas, oferendas, folguedos populares, bailes, folias e cantorias. Contemplam também a procissão da corte imperial e a cerimônia de coroação do Imperador, principal momento da festa, que traz como símbolos a coroa, o cetro, a salva e a bandeira.

Ornada com fitas multicoloridas, com uma pomba branca no alto do mastro, a Bandeira do Divino tem presença emblemática em todas as cerimônias do ciclo festivo na Capital e, sua passagem pelas ruas das comunidades, anuncia o início dos festejos. Ao som de rabeca, viola e tambor, os foliões do Divino seguem de casa em casa, arrecadando donativos para as festividades, mantendo uma tradição de mais de dois séculos. Entre os devotos, é comum tocar e beijar a bandeira nas celebrações, em sinal de respeito e fé.  

Rica em significados, a Festa do Divino Espírito Santo ocorre em várias cidades do mundo onde existe a presença açoriana. Simbolizando a esperança na chegada de uma nova era que trará paz, liberdade e solidariedade, a festa celebra a constituição do Império da Igualdade, onde predomina a partilha, a caridade e a união entre as pessoas. 


Divina Tradição

Alguns historiadores contam que a Festa do Divino Espírito Santo surgiu na Alemanha, no século 12, propagando-se posteriormente para a Europa, e em especial para Portugal e arquipélago dos Açores, onde essa manifestação popular ganhou maior dimensão. A origem da festa em terras portuguesas é atribuída à devoção da Rainha Isabel de Aragão.

Em 1282, a jovem casou-se com Dom Dinis, Rei de Portugal, e dessa união nasceu Afonso, herdeiro legítimo do trono português. Porém, o rei demonstrava predileção por Afonso Sanches, filho nascido fora do casamento, situação que despertou um ciclo de desavenças e disputas familiares pela conquista do trono.

Temendo a morte do esposo ou do filho nesses conflitos, Dona Isabel de Aragão, apegada às convicções cristãs, prometeu ao Espírito Santo um dia de culto e a própria coroa se a paz voltasse à família e ao reino. Atribuindo a dádiva alcançada ao poder divino, a rainha levou a prometida coroa real à Igreja do Espírito Santo, na Vila de Alenquer, no Dia de Pentecostes, seguindo em procissão com a participação de nobres do reino carregando estandartes com o símbolo do Espírito Santo.

Durante as celebrações, foi realizada uma cerimônia simbolizando a instituição do Império do Espírito Santo, ocasião em que um banquete (o bodo) foi partilhado com os pobres. Nessa data, pessoas humildes receberam as insígnias do poder real, a coroa e o cetro, para externar a vontade do rei e da rainha em servir ao povo no espírito da igualdade, caridade e humildade.

Por determinação da Casa Real, a festa consagrada ao Espírito Santo passou a se realizar todos os anos, na mesma data, ultrapassando as fronteiras do tempo e do território português. Pela vida voltada à caridade e prática do bem, Isabel de Aragão ficou conhecida como "Rainha Santa”, sendo canonizada pela Igreja, em 1625, em razão de diversos milagres a ela atribuídos.

 

PROGRAMAÇÃO CULTURAL / FESTAS NAS COMUNIDADES

MAIO

Abertura do Ciclo do Divino Espírito Santo será sábado, dia 24 de maio!
Veja programação:

  • 24 de maio (sábado) – Centro

*Abertura do Ciclo do Divino Espírito Santo 2014

  Local: Rua Padre Miguelinho, 58 - Centro (Em frente à Casa da Memória)

9h      – Concentração dos festeiros e cortejos das comunidades

              Rua Padre Miguelinho (em frente à Casa da Memória)

10h     – Hasteamento da Bandeira do Divino e bênção dos pães

11h     – Desfile de cortejos das Festas do Divino pelas ruas do Centro

           – Encontro das Bandeiras do Divino e apresentações culturais

12h     – Confraternização das comunidades / abertura do Ciclo do Divino 2014

    Local: Largo da Catedral (Em caso de chuva: interior da Catedral Metropolitana)

 

JUNHO

 

  • 6 a 8 de junho

*Festa do Divino - Monte Verde

  Rodovia Virgílio Várzea nº 538

  (Imediações da Igreja Matriz São Francisco Xavier / Monte Verde)

  Casal Festeiro: Márcio Alexandre e Bernadete Ferreira Alexandre 

 

*Festa do Divino - Lagoa da Conceição

  Rua Francisca Luiza Vieira

  (Imediações do Santuário da Imaculada Conceição / Lagoa da Conceição)

  Casal Festeiro: Maurílio Valmiro da Silveira e Sandra Terezinha da Silveira

 

*Festa do Divino - Ribeirão da Ilha

  Dia 6 - Rodovia Baldicero Filomeno nº 1684

              (Capela Santo Estêvão / Alto Ribeirão)

  Dias 7 e 8 - Praça Hermínio Silva

             (Imediações da Igreja de Nossa Senhora da Lapa / Freguesia)

  Casal Festeiro: Cesar Ciro Pereira e Maristela Aparecida Silva

 

  • 6 a 15 de junho

 *Festa do Divino - Trindade

  Praça Santos Dumont nº 94

  (Imediações da Paróquia da Santíssima Trindade / Trindade)

 Casal Festeiro: Valmiro Reis da Silva Filho e Maria Helena Sardá da Silva

 

  • 7 e 8 de junho

 *Festa do Divino - Prainha

  Rua 13 de maio

  (Imediações da Igreja Santa Terezinha do Menino Jesus / Prainha)

  Casal Festeiro: Juracy Manoel Pires e Maria Catarina Pires

 

  • 13 a 15 de junho

*Festa do Divino - Estreito

  Rua Souza Dutra nº 442

  (Imediações do Santuário Nossa Senhora de Fátima / Estreito)

  Casal Festeiro: Vítor Conradi e Saula Bense Conradi

 

*Festa do Divino - Rio Tavares

  Rua do Divino Espírito Santo

  (Imediações da Capela Bom Jesus / Cachoeira do Rio Tavares)

  Casal Festeiro: Alcebíades Vital  Pinheiro e Madalena Demétrio Pinheiro

 

  • 28 e 29 de junho

*Festa do Divino - Pântano do Sul

  Rua Abelardo Otacílio Gomes

  (Imediações da Igreja do Pântano do Sul)

  Casal Festeiro: Osvaldo Leôncio Duarte e Maria Olga Duarte

 

JULHO


  • 19 e 20 de julho

*Festa do Divino - Campeche

  Rua da Capela nº 1347

  (Imediações da Capela de São Sebastião / Campeche)

  Casal Festeiro: Eriberto José de Souza e Nair Braulina Costa

 

AGOSTO

  • 29 a 31 de agosto

*Festa do Divino - Barra da Lagoa

  Rua Amaro Coelho nº 35

  (Imediações da Igreja e da Praça de Esportes /Barra da Lagoa)

  Casal Festeiro: Natalino Manoel Gonçalves  e Luiza Ana Gonçalves

   

SETEMBRO

  • 5 a 9 de setembro

*Festa do Divino - Santo Antônio de Lisboa

  Caminho dos Açores nº 2450

  (Imediações da Igreja Nossa Senhora das Necessidades / Santo Antônio de Lisboa)

  Casal Festeiro: Edemilson Neves Damasceno e Maria Helena Possenti Damasceno


  • 12 a 14 de setembro

 *Festa do Divino - Rio Vermelho

  Rodovia João Gualberto Soares

  (Imediações da Igreja São João Batista e Praça João G. Soares / Rio Vermelho)

  Casal Festeiro: Alexandre Ferreira e Zélia Olinda Coelho Ferreira

 

  • 26 a 28 de setembro

*Festa do Divino - Canasvieras

  Rua Tertuliano de Brito Xavier (Imediações da Igreja São Francisco de Paula / Canasvieiras)

  Casal Festeiro: Luiz Antônio Schmidt e Marlucia José da Silva

 

  • 28 de setembro – Canasvieiras

*Encerramento do Ciclo do Divino Espírito Santo 2014

  Rua Tertuliano de Brito Xavier (Imediações da Igreja São Francisco de Paula / Canasvieiras)

17h     – Encontro das Bandeiras do Divino

17h30 – Desfile de cortejos pelas ruas da comunidade

18h     – Missa com apresentação dos casais festeiros de 2015

19h     – Descerramento da Bandeira do Divino

19h30 – Confraternização / Café da Partilha

Ciclo do Divino Espírito Santo 2014


Categorias: Setembro 2014
Tags: festa, Divino
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 10 Dezembro 2017 Inscrições para 3.224 vagas em cursos grat... >> Educação / Cursos
até 14 Dezembro 2017 Museu Victor Meirelles abre inscrições par... >> Educação / Cursos
até 20 Dezembro 2017 Palestra gratuita sobre fotografia básica ... >> Educação / Cursos


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar