FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Fevereiro 2015
Show gratuito com Alegre Correa e Guinha Ramires - Jurerê Jazz



Quando: 28 Fevereiro 2015, Sábado, às 19 horas
Onde: Jurerê Open Shopping
Endereço: Av. das Raias, 400 - Jurerê Internacional
Quanto: Gratuito

O Jurerê Jazz promove no próximo sábado, 28 de fevreio, mais uma grande atração mensal no calçadão do Jurerê Open Shopping. O show "Inconsciente Coletivo” é um projeto dos músicos Alegre Corrêa e Guinha Ramires, que mostrarão no palco o resultado de 35 anos de parceria, sintonia e muita experiência musical.

A apresentação será às 19h, no Jurerê Open Shopping, com entrada gratuita. O repertório será marcado pela música contemporânea, numa mistura que usa os elementos da música popular brasileira, do jazz e da música erudita. Em caso de chuva, o evento será mantido, pois a área é coberta.

Quem for ao show também concorrerá a mais um par de ingressos para a apresentação do grupo musical cubano Buena Vista Social Club, que acontecerá no dia 18 de maio, no encerramento do 5º Jurerê Jazz Festival, evento que inicia no dia 29 de abril.

O Jurerê Jazz é uma parceria com o Open Sound e promove programação musical gratuita com edições mensais no calçadão do Jurerê Open Shopping, em Jurerê Internacional. O projeto é patrocinado pela prefeitura de Florianópolis por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura e da Fundação Cultural Franklin Cascaes.

Sobre a parceria musical

Alegre Corrêa e Ginha Ramires são músicos de formação autodidata que aprenderam música na mesma época e da mesma maneira: na estrada. Nascidos no sul do Brasil no início da década de 60, Alegre Corrêa e Guinha Ramires conheceram-se em 1977 na cidade de Passo Fundo (RS). A amizade que nasceu em um bar transformou-se numa duradoura parceria musical com entendimento, respeito e muitas realizações.
Através da admiração mútua como músicos e a afinidade intelectual, tornaram-se parceiros incansáveis no trabalho pelo desenvolvimento e aplicação da filosofia musical e da música de vanguarda. Além da constante criação em duo que sempre esteve presente, Alegre Corrêa e Guinha Ramires fundaram juntos diversos grupos com outros renomados artistas nos quase 35 anos de parceria.

Sobre os músicos

Alegre Corrêa
Natural de Passo Fundo (RS), desde os 13 anos atua como violonista, cantor, percussionista e compositor. Em 2010, recebeu o prêmio mais importante de sua carreira, o GRAMMY AWARDS, como guitarrista do disco 75, de Joe Zawinul & The Zawinul Syndicate (Heads Up International), na categoria "Melhor Álbum de Jazz Contemporâneo”. Alegre Corrêa também foi premiado em primeiro lugar no Rio Grande do Sul no "Musicanto Festival” (1992) e em São Paulo no "FAMPOP” (1998), ambos na categoria de música instrumental. Na sua turnê no Brasil em 2003, foi premiada com o Prêmio Cultura de Ouro do estado do Rio Grande do Sul. No mesmo ano, foi eleito músico do ano pelo importante "Austrian Hans Koller Award”, prêmio máximo da música instrumental na Áustria. Já realizou diversas turnês pela Europa. Alegre Corrêa assegurou sua reputação como um músico sem fronteiras, que aponta a sua música para novas direções, preservando sempre suas raízes e o swing brasileiro como diferencial do seu trabalho musical.

Guinha Ramires

Guinha Ramires é músico multi-instrumentista, violonista, compositor, arranjador e mora em Florianópolis desde 1982. É uma das personalidades culturais mais conhecidas e reconhecidas entre os apreciadores e produtores artísticos/ musicais do sul do Brasil. Guinha integrou a banda de Renato Borghetti durante dez anos. Neste período participou de turnês pelo Brasil, Europa e Estados Unidos. Participou da gravação de vários discos, alguns incluindo composições suas. A convite de Alegre Corrêa, foi para Viena, onde morou por oito meses. Guinha e Alegre gravou o CD Handmade, lançado na Europa. Retornando ao Brasil, formou a banda Doutor Cipó. Integrou a Orquestra Sinfônica de Santa Catarina, OSCA, como violonista e coordenador da banda de base. Guinha saiu em turnê pela Europa a convite da cantora Isabel Padovani, vencedora do prêmio Visa 2005. Dirigiu e arranjou as três edições do Acústico Brognoli, que foram realizados no teatro do CIC. Contemplado com o edital Elizabete Anderle, da Fundação Catarinense de Cultura gravou seu primeiro CD solo, "Vindoura”, com oito temas próprios, sendo um em parceria com Alegre Corrêa e outro com Alessandro Kramer (Bêbe). Vindoura foi lançado em Florianópolis no Teatro Álvaro de Carvalho em 2011. Show gratuito com Alegre Correa e Guinha Ramires - Jurerê Jazz

Categorias: Fevereiro 2015
Tags: show, Jazz
Deixe seu comentário!
comentários







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 25 Julho 2017 Conferência de Patrimônio Cultural em Risc... >> Educação / Cursos
até 28 Julho 2017 Aulas gratuitas de Tango no Palácio Cruz e... >> Dança
até 28 Julho 2017 Inscrições para curso gratuito de escrita ... >> Educação / Cursos
até 29 Julho 2017 Projeto Museus Virtuais terá 22 sessões gr... >> Exposições
até 07 Agosto 2017 Inscrições para 4,6 mil vagas em cursos gr... >> Educação / Cursos
até 15 Setembro 2017 Passeio Noturno "Floripa Misteriosa&q... >> Especiais / Outros
Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter
Buscar