FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Fevereiro 2016
Soltura de filhotes de tartaruga comemora 35 anos do Tamar e 25 milhões de filhotes liberados



Quando: 27 Fevereiro 2016, sábado, às 9 horas
Onde: Praia da Barra da Lagoa
Quanto: Gratuito

Em homenagem aos seus 35 anos, o Projeto Tamar celebra a marca de 25 milhões de filhotes de tartaruga marinha liberados ao mar graças à sua proteção até hoje no Brasil. Para comemorar o número alcançado, o Tamar realizou solturas simultâneas de filhotes recém-nascidos e tartarugas marinhas reabilitadas nos nove estados do Brasil onde está presente, em um movimento coletivo pela proteção a esses animais ainda ameaçados de extinção.

Em Florianópolis, a cerimônia de soltura dos filhotes de tartaruga marinha ocorrerá às 9h deste sábado, dia 27 de fevereiro, na praia da Barra da Lagoa, em frente à base do Tamar.

O biólogo e executor técnico do Tamar em Florianópolis Daniel Rogério explica que Santa Catarina não possui áreas de desova ou reprodução de tartarugas - elas preferem as águas quentes do Rio de Janeiro até o Nordeste - mas é uma área de alimentação do animal. Por fatores naturais, apenas um ou dois em cada mil filhotes liberados ao mar sobrevivem, pois é no mar onde passam a maior parte da vida e estão sujeitos à maioria das ameaças.Normalmente, não há desovas de tartarugas marinhas no sul do Brasil, mas eventos esporádicos já foram registrados: dois ninhos de tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), um na Lagoinha do Norte, em 2009, e outro na praia do Campeche, em 2010.

O Projeto Tamar reabilita tartarugas encontradas nas praias catarinenses em redes de pesca, encalhadas ou que tenham ingerido lixo, colidido com embarcações.

Criado há 35 anos, o Projeto Tamar trabalha na pesquisa, proteção e manejo das cinco espécies de tartarugas marinhas que ocorrem no Brasil, todas ameaçadas de extinção: tartaruga-cabeçuda (Caretta caretta), tartaruga-de-pente (Eretmochelys imbricata), tartaruga-verde (Chelonia mydas), tartaruga-oliva (Lepidochelys olivacea) e tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea).

Protege cerca de 1.100 quilômetros de praias e está presente em 25 localidades, em áreas de alimentação, desova, crescimento e descanso das tartarugas marinhas, no litoral e ilhas oceânicas dos estados da Bahia, Sergipe, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina. Reconhecido internacionalmente como uma das mais bem sucedidas experiências de conservação marinha do mundo, seu trabalho socioambiental, desenvolvido com as comunidades costeiras, serve de modelo para outros países. O Projeto Tamar tem o patrocínio oficial da Petrobras desde 1983, através do programa Petrobras Socioambiental, o apoio do Bradesco Capitalização, e nos nove estados brasileiros onde atua recebe diversos apoios locais.

Em Florianópolis, o Projeto Tamar é aberto a visitações diariamente. A partir de segunda, 22/02, abre das 9h30 às 17h30. Aos sábados e domingos, os visitantes podem participar da hora do banho, sempre às 10h30, e da alimentação das tartarugas, às 15h30. Também há visitas guiadas nos fins de semana, às 11h30 e 17h. O ingresso custa R$ 12. Estudantes, crianças de até 12 anos e idosos pagam meia. Crianças de até 1,20 m não pagam.
Soltura de filhotes de tartaruga comemora 35 anos do Tamar e 25 milhões de filhotes liberados


Categorias: Fevereiro 2016
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 20 Agosto 2018 Prefeitura abre 800 vagas em cursos profissionalizantes gratuitos para jovens
até 21 Agosto 2018 Inscrições para atividades esportivas oferecidas à comunidade na UFSC em 2018/2
até 24 Agosto 2018 Sala Verde UFSC promove atividades gratuitas


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar