FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Maio 2016
Exposição coletiva "Transmutação"



Quando: até 27 de maio
Onde: Espaço Oficina - Galeria Estúdio
Endereço: Rua São Brás, 42 - Cacupé/Saco Grande
Quanto: Gratuito
Evento no FB: www.facebook.com/events/965169463567137

Abertura dia 6 de maio às 19h
Visitação até 27 de maio

O programa de extensão Nupeart Pro…move, do Centro de Artes (Ceart) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), em parceria com o Espaço Oficina – Galeria Estúdio, realiza a exposição coletiva “Transmutação”, com a participação dos artistas visuais Andressa Muniz, André Pardini, Gabriela Elias Siqueira e Estevão Mattos.

A abertura ocorre nesta sexta-feira, 6 de maio, às 19h, no Espaço Oficina – Galeria Estúdio, localizado no bairro Cacupé, em Florianópolis. A exposição gratuita vai até o dia 27 de maio e o agendamento para visitação pode ser realizado pelo telefone (48) 9983-2395.

A exposição propõe uma reflexão sobre a cidade contemporânea, o distanciamento que a cidade proporciona de outros cenários e a possibilidade de adaptação a cada canto, bosque, ponto, praça.

Sob coordenação da professora Rosana Bortolin, do Departamento de Artes Visuais (DAV) da Udesc Ceart, o programa de extensão Nupeart Pro…move organiza exposições anuais com objetivo divulgar o trabalho desenvolvido pelos participantes dos cursos de extensão, graduação e pós-graduação e artistas convidados.

Transmutar. Fazer com que fique diferente; ir de um lugar para outro; mudar de uma circunstância para outra; transformar ou transformar-se.

A cidade nos possibilita a mudanças de temperamentos, momentos e deslocamentos. Ora estamos no caos urbano beirando ao centro da cidade que caminha toda a multidão que sacode a cabeça após apanhar do asfalto. Grita o trânsito e todo o audiovisual da rua, toda aquela quantidade entroncada de informações por fração de segundo.

As coisas mudam e desmudam, as ruas se distorcem, a rotina cansa. Há a superação e a fuga a partir dessa cidade. A busca de uma relação íntima com o cotidiano ou a busca pela ancestralidade e identidade.

Refletir o distanciamento que a cidade nos proporciona de outros cenários.

Esta, que nos envolve cheio de cimento e asfalto. E nos desenvolve. A possibilidade de se adaptar a cada canto, bosque, ponto, praça.

Transmutar é o processo de transformação de um estado superficial para uma outra projeção de mudança de um novo estado, infinito, divino, fluindo em outra dimensão.
Exposição coletiva "Transmutação"


Categorias: Maio 2016
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 20 Agosto 2018 Prefeitura abre 800 vagas em cursos profissionalizantes gratuitos para jovens
até 21 Agosto 2018 Inscrições para atividades esportivas oferecidas à comunidade na UFSC em 2018/2
até 24 Agosto 2018 Sala Verde UFSC promove atividades gratuitas


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar