FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Novembro 2016
Exposição "Partituras: Desenho do tempo" de Luis Arnaldo e Marcelino Peixoto



Quando: até 24 de novembro
Onde: Fundação Cultural Badesc
Endereço: Rua Visconde de Ouro Preto, 216 - Centro
Quanto: Gratuito
Evento no FB: www.facebook.com/events/1121097657981936

A Fundação Cultural Badesc abre na quinta-feira, 20 de outubro, às 19h, no Espaço Fernando Beck, a exposição Partituras: Desenho do tempo, de Luis Arnaldo e Marcelino Peixoto. O trabalho exibe uma série de desenhos do tempo que foram executados a quatro mãos. A série é acompanhada de um vídeo performance que registra uma audição de desenho, ocorrida em um espaço preparado à escuta, para ouvir o ato de desenhar. A exposição fica aberta para visitação até o dia 24 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 12 às 19h. A entrada é gratuita.

Cada um dos trabalhos que da série foi executado em sessão com durações pré-determinadas, entre duas e três horas. A demarcação temporal de cada sessão e sua súbita interrupção são responsáveis por deixá-los inacabados. Se por um lado, aponta para um esfacelamento da representação, por outro permite a visualização de tudo aquilo que serviu à construção da imagem, contribuindo à restituição do acontecimento.

O vídeo, que será apresentado juntamente com os desenhos, mostra a construção de um outro acontecimento, denominado Pequenas Audições. Ele aproxima o ato de desenhar da escuta do desenho, oferecendo a um pequeno grupo de ouvintes a microscopia do ato de desenhar. A sessão de duas horas ocorreu em um espaço preparado para a captação e emissão amplificada dos ruídos produzidos. Na exposição, será possível ao espectador, então, ver os desenhos e ao mesmo tempo ouvir os gestos de sua feitura.

“Em Pequenas Audições grifamos os sons próprios deste fazer, dando voz e vez ao que se perde, ou que está mormente como privilégio de quem executa. É decorrente da insistência da fricção do lápis sobre o papel a produção de uma sonoridade característica, que reverbera e faz fibrilar todo o corpo. Tal ação aparenta ao observador um exercício de resistência e atenção meditativa, em contínuo trabalho”, declaram os artistas.

Sobre os autores

Marcelino Peixoto é natural de Alvarenga (MG). É mestre em Artes Visuais e Bacharel em Pintura pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais (EBA-UFMG). Professor de Desenho do curso de Artes Plásticas da Escola Guignard da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG). Mantém prática em desenho e performance, tendo como interseção Desenho, Corpo e Lugar. Orienta e desenvolve cursos voltados para execução de Ações coletivas de Desenho. Desde 2005 integra o Xepa — coletivo de estudo.

Luis Arnaldo nasceu em Campinas (SP). É bacharel em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) e em Artes Plásticas pela mesma instituição de ensino. Pesquisa o espaço e seus agentes formadores, tema problematizado na interface com o pensamento científico, sobretudo da geografia, da antropologia, da arquitetura e do urbanismo.
Exposição "Partituras: Desenho do tempo" de Luis Arnaldo e Marcelino Peixoto


Categorias: Novembro 2016
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 22 Junho 2018 Make Music Day terá aulas gratuitas de sete modalidades na Escola de Música Rafael Bastos
até 22 Junho 2018 Sala Verde UFSC promove atividades gratuitas
até 22 Junho 2018 Inscrições para 1.937 vagas em 49 cursos gratuitos técnicos e Proeja do IFSC
até 20 Julho 2018 12ª Feira de Artes Entremostras abre inscrições


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar