FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Março 2018
Programação gratuita do Cineclube da Fundação Cultural Badesc de março de 2018



Quando: 29 Março 2018, quinta-feira, às 19 horas
Onde: Fundação Cultural Badesc
Endereço: Rua Visconde de Ouro Preto, 216 - Centro
Quanto: Gratuito

Em março, o Cineclube da Fundação Cultural Badesc tem sessões gratuitas de segunda a sexta-feira com inicio sempre às 19h.

Nove filmes integram a programação especial alusiva ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, voltada para a reflexão dos espaços ocupados pela mulher na frente e atrás das câmeras.

Os filmes selecionados expressam assuntos relevantes como a violência contra a mulher, tema abordado no documentário Brave Miss World, de Cecília Peck (2013) que conta a história de Linor Abargil, Miss Israel que foi violentada e utilizou sua visibilidade para auxiliar outras vítimas e o curta-metragem catarinense Brancura (2016), da artista visual Giovana Zimermann. Os filmes serão exibidos na sessão Cine Delas [Floripa], que também propõe um debate sobre violência contra a mulher com a Drª Silvana Maria Pereira, pesquisadora na área de Estudos de Gênero e enfermeira no Hospital da Universidade Federal de Santa Catarina (HU- UFSC).

A sessão Grandes Diretoras homenageia Marguerite Duras, romancista, poeta, dramaturga e roteirista, nascida na antiga Conchinchina, atual Vietnã. Conhecida pela obra O amante e pelo roteiro do clássico Hiroshima, meu amor (Alain Resnais, 1959), Marguerite também dirigiu 19 curtas e longas-metragens. O Cineclube também exibe os filmes Destrutir, disse ela (1969), As crianças (1985), O caminhão (1977).

Dirigido por um coletivo de Mulheres Atingidas por Barragens (MAB) e financiado coletivamente, o documentário Arpilleras (2017) aborda a força da união entre as mulheres frente a dor da perda das suas memórias. O filme será exibido na sessão Imagens Políticas, dia 13 e comentado por Adriane Canan, jornalista, diretora, documentarista e roteirista e Rodrigo Timm Seferin, membro da coordenação estadual do MAB/SC e bacharel em direito pela UFSC.

O universo das mulheres é o tema que norteia a seleção dos filmes do ART 7 de março. Os filmes trazem personagens fortes que lutam por uma participação igualitária na sociedade. Serão exibidos também os filmes, As sufragistas (2015), dirigido pela britânica Sarah Gavron, Preciosa: uma história de esperança (2009), de Lee Daniels, Cinco Graças (2015), de Deniz Gamze Ergüven e Estrelas Além do Tempo” (2016), de Theodore Melfi.

Programação especial alusiva ao Dia Internacional da Mulher:

Sexta-feira, dia 2, 19h - Destruir, Disse Ela (1969), Direção de Marguerite Duras

Terça-feira, dia 6, 19h - Brave Miss World (2013), Direção de Cecilia Peck

Quarta-feira, dia 7, 19h - As Sufragistas (2015), Direção de Sarah Gavron

Terça-feira, dia 12, 19h - Arpilleras: Atingidas Por Barragens Bordando a Resistência (2017)

Quarta-feira, dia 14, 19h - Preciosa: Uma História de Esperança (2009), Direção de Lee Daniels

Quinta-feira, dia 15, 19h - As Crianças (1985), Direção de Marguerite Duras

Quarta-feira, dia 21, 19h - Cinco Graças (2015), Direção de Deniz Gamze Ergüven

Quarta-feira dia 28, 19h - Estrelas Além do Tempo (2016), Direção de Theodore Melfi

Quinta-feira, dia 29, 19h - O Caminhão (1977), Direção de Marguerite Duras

Programação completa do mês e sinopses:

Dia 01, quinta-feira, 19h, Documentário Histórico

Viramundo
De Geraldo Sarno. Brasil. 1965. 37min. Documentário. Livre.
A vida dos migrantes que deixam o nordeste do Brasil em direção a São Paulo nos anos 1960, em busca de melhores condições de sobrevivência.

Subterrâneos do futebol
De Maurice Capovilla. Brasil. 1965. 32min. Documentário. Livre.
Particularidades da vida dos jogadores de futebol, as dificuldades e esperanças e a estrutura econômica e política por trás do esporte.

Mediação: Prof. Dr. Rafael Hagemeyer (Departamento de História/Udesc)

Dia 02, sexta-feira, 19h, Grandes Diretoras - Retrato Marguerite Duras

Destruir, disse ela (Détruire Dit-Elle)
de Marguerite Duras. França. 1969. 100min. Drama/Mistério. Sem classificação.
Com Catherine Sellers, Michael Lonsdale, Henri Garcin e Nicole Hiss.
Um grupo de pessoas se encontra em um hotel de campo e passa a se relacionar de formas singulares.

Dia 05, segunda-feira, 19h, Cine Africano

Wend Kuuni
De Gaston Kaboré. Burkina Faso. 1983. 75min. Drama. Sem classificação.
Com Serge Yanogo, Boucare Ouedraogo e Colette Kaboré.
Um vendedor ambulante, ao cruzar a savana, encontra uma criança inconsciente e a deixa com uma família na vila mais próxima, dando-lhe o nome Wend Kuuni.

Dia 06, terça-feira, Cine Delas [Floripa]

Brave Miss World
De Cecilia Peck. EUA, Israel, Itália, África do Sul. 2013. 88min. Documentário/Biografia. Sem classificação.
Jornada pessoal de Linor Abargil, Miss Israel, que foi violentada e utilizou da sua visibilidade para ajudar outras vítimas de violência.

Brancura
De Giovana Zimermann. Brasil. 2016. 15min. Drama. 14 anos.
Com Angélica Mahfuz, Eliane Carpes e Johny Bruckhoff.
Após violências sofridas na infância e na adolescência, Aimèe sublima sua sensualidade, entendendo-a como uma ameaça.

Dia 07, quarta-feira, ART 7

As sufragistas (Suffragette)
De Sarah Gavron. Reino Unido. 2015. 106 min. Drama/Biografia. Sem classificação.
Com Carey Mulligan, Helena Bonham Carter e Meryl Streep.
História do grupo de mulheres britânicas que lutou pelo direito ao voto no início do Século XX.

Dia 08, quinta-feira, Ciclos Latinoamericanos: Peru

Contracorrente (Contracorriente)
De Javier Fuentes-León. Peru, Colômbia, França, Alemanha. 2009. 97min. Drama. 14 anos.
Com Cristian Mercado, Tatiana Astengo e Manolo Cardona.
Miguel é casado e está prestes a ser pai, mas o encontro com um pintor recém chegado na vila onde mora transforma sua vida.

Dia 09, sexta-feira, Sessão Divã

Uma nova amiga (Une nouvelle amie)
De François Ozon. França. 2015. 107min. Drama. 16 anos.
Com Romain Duris, Anaïs Demoustier e Raphaël Personnaz.
Quando Laura fica doente e morre, Claire se aproxima de seu marido, David e surpreende-se ao descobrir o segredo íntimo do viúvo.

Mediadores: Me. Taoana Padilha e Dr. Sérgio Scotti, psicanalistas.

Dia 12, segunda-feira, Ciclos Latinoamericanos: Peru

A passageira (Magallanes)
De Salvador del Solar. Peru, Argentina, Espanha. 2015. 109min. Drama. 14 anos.
Com Damián Alcázar, Tatiana Astengo e Jairo Camargo.
A rotina de um motorista de táxi se transforma quando uma mulher de seu passado no exército peruano entra em seu carro.

Dia 13, terça-feira, Imagens Políticas

Arpilleras: atingidas por barragens bordando a resistência
De Coletivo de Mulheres Atingidas por Barragens (MAB). Brasil. 2017. 103min. Documentário. Livre.
A história de luta das mulheres atingidas por barragens nas cinco regiões do país usando uma técnica de bordado vinda do legado das mulheres chilenas.

Mediação: Adriane Canan, jornalista, documentarista, roteirista, diretora e Rodrigo Timm Seferin, membro da coordenação estadual do MAB/SC.

Dia 14, quarta-feira, ART 7

Preciosa: Uma história de esperança (Precious)
De Lee Daniels. EUA. 2009. 110 min. Drama. Sem classificação.
Com Gabourey Sidibe, Mo’Nique e Paula Patton.
A jornada de uma garota por um caminho com inúmeras adversidades, mas que nunca deixa de acreditar em um futuro melhor para si.

Dia 15, quinta-feira, Grandes Diretoras - Retrato Marguerite Duras

As crianças (Les enfants)
De Marguerite Duras. França. 1985. 84min. Comédia. Sem classificação.
Com Axel Bogousslavsky, Daniel Gélin e Tatiana Moukhine.
Ernesto tem 7 anos, mas a aparência de 40. Ele decide abandonar a escola por não querer que lhe ensinem coisas que desconhece, é incompreendido pela sociedade, mas recebe o apoio da família.

Dia 16, sexta-feira, Psicanálise vai ao Cinema

Gêmeos: mórbida semelhança (Dead Ringers)
De David Cronenberg. Canadá, EUA. 1988. 116min. Drama/Suspense. 16 anos.
Com Jeremy Irons, Geneviève Bujold e Heidi von Palleske.
O encontro entre os gêmeos Beverly, Elliot e Claire promove alguns eventos inesperados e traz à tona uma sincronia mortífera.

Mediação: Maria Teresa Wendhausen, psicanalista, membro da Escola Brasileira de Psicanálise (EBC/SC) e Heitor Caramez Peixoto, doutorando em Literatura (UFSC).

Dia 19, segunda-feira, Cinema entre fronteiras

O abraço da serpente (El abrazo de la serpiente)
De Ciro Guerra. Colômbia, Venezuela, Argentina. 2015. 125min. Aventura/Drama. 14 anos.
Com Brionne Davis, Nilbio Torres e Antonio Bolívar.
A solidão de Karamakate, último sobrevivente de seu povo, é interrompida com chega ao seu esconderijo remoto Evan, um etnobotânico em busca de uma poderosa planta, capaz de ensinar a sonhar.

Dia 20, terça-feira, Cine Francês AF

Por aqui tão cedo (Alda et Maria)
De Maria Esperança Pascoal. Portugal. 2011. 94min. Drama. Sem classificação.
Com Catarina Avelar, Elisabete Baldé e Willion Brandão.
Verão de 1980. Alda e Maria chegam a Lisboa em fuga da Guerra Civil de Angola cheias de esperança no que o futuro lhes reserva.

Dia 21, quarta-feira, ART 7

Cinco Graças (Mustang)
De Deniz Gamze Ergüven. Turquia, Alemanha, França. 2015. 97 min. Drama. Sem classificação.
Com Güneş Nezihe Şensoy e Doğa Zeynep Doğuşlu.
Cinco irmãs de um vilarejo turco são punidas depois de brincarem com os meninos, ato considerado escandaloso pela avó das garotas.

Dia 22, quinta-feira, Cine Francês AF

Uma garrafa no mar de gaza (Une bouteille à la mer)
De Thierry Binisti. Canadá, França, Israel. 2011. 100min. 12 anos. Drama.
Com Agathe Bonitzer, Hiam Abbass e Mahmoud Shalaby.
Tal é uma jovem francesa que mora em Jerusalém com sua família. Após a explosão de um camicase num café do seu bairro, ela escreve uma carta a um palestino imaginário, exprimindo suas interrogações.

Dia 23, sexta-feira, FECHADO - Aniversário de Florianópolis

Dia 26, segunda-feira, 19h, Foco em Cinema

Wavelength
De Michael Snow. Canadá, EUA. 1967. 45min. Experimental. 12 anos.
Com Hollis Frampton, Amy Taubin e Joyce Wieland.
A câmera filma uma sala predominantemente vazia, num lento zoom em direção a um quadro na parede, acompanhado de um som de frequência cada vez mais aguda.

O incrível homem que encolheu (The incredible shrinking man)
De Jack Arnold. EUA. 1957. 81min. Ficção científica. 12 anos.
Com Grant Williams, Randy Stuart e April Kent.
Durante um passeio de barco, Scott Carey é atingido por uma misteriosa nuvem de partículas brilhantes e começa a encolher diariamente.

Mediação: Bruno Andrade, crítico de cinema.

Dia 27, terça-feira, 19h, Foco em Cinema

Stellar
De Stan Brakhage. EUA. 1993. 3min. Experimental/ficção científica. 12 anos.
A visão artística do cosmos de Stan Brakhage.

Duas ou três coisas que eu sei dela (2 ou 3 choses que je sais d’elle)
De Jean-Luc Godard. França. 1967. 87 min. Drama. 16 anos.
Com Marina Vlady, Anny Duperey, Jean Narboni.
Um dia na vida de Juliette Jeanson, uma dona de casa que divide sua rotina entre os afazeres domésticos e a prostituição, intercalado com cenas da contemporaneidade parisiense.

Dia 28, quarta-feira, ART 7

Estrelas além do tempo (Hidden Figures)
De Theodore Melfi. EUA. 2016. 127 min. Drama/Biografia. Sem classificação.
Com Taraji P. Henson, Octavia Spencer e Janelle Monáe.
História da equipe de cientistas da NASA, formada exclusivamente por mulheres afro-americanas que participaram ativamente na corrida espacial entre Estados Unidos e União Soviética.

Dia 29, quinta-feira, Grandes Diretoras - Retrato Marguerite Duras

O caminhão (Le camion)
De Marguerite Duras. França. 1977. 76min. Drama. Sem classificação.
Com Marguerite Duras e Gérard Depardieu.
Escritora lê para um ator o roteiro de um filme sobre uma mulher que pega carona com um motorista de caminhão.
Programação gratuita do Cineclube da Fundação Cultural Badesc de março de 2018


Categorias: Março 2018
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 24 Julho 2018 Inscrições para minicurso gratuito de fotografia específico para jovens
até 25 Julho 2018 Sala Verde UFSC promove atividades gratuitas
até 08 Agosto 2018 Prefeitura abre 800 vagas em cursos profissionalizantes gratuitos para jovens


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar