FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Junho 2016
20º FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul



Quando: de 17 a 24 de junho
Onde: Centro de Cultura e Eventos, UFSC
Quanto: Gratuito

Florianópolis Audiovisual Mercosul (FAM) chega à 20ª edição e será realizado de 17 a 24 de junho no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis.

Completando 20 anos de dedicação ao desenvolvimento da cinematografia dos países membros do Mercosul, o FAM proporciona um espaço de formação de público, difusão da produção latino-americana e regional, além da reunião de profissionais do setor.

Neste ano em que assinala a sua 20ª edição consecutiva, o FAM comemora uma história de protagonismo no fomento da cultura em Santa Catarina e no Mercosul, com o desejo que cada vez mais pessoas façam parte desta trajetória, com suas próprias histórias, com seus olhares curiosos e críticos. “O FAM é um dos raros eventos com duas décadas de existência em continuidade no país. É o Festival mais antigo do Estado e o segundo mais antigo do sul do país”, afirma Antônio Celso dos Santos, coordenador geral do FAM.

O FAM 2016 tem o patrocínio da Petrobras com apoio da Secretaria de Cultura da Universidade Federal de Santa Catarina e realização da Associação Cultural Panvision.

Em 2016, foram 544 inscrições e, pela primeira vez, o FAM traz o filme vencedor do Festival Oberá en Cortos para a competição na Mostra de Curtas Mercosul. Um acordo de coperação firmado no ano passado entre o Festival realizado na Argentina e o FAM. Ao todo, 30 produções majoritárias do Brasil, Argentina, Peru, Chile, Uruguai e Colômbia foram selecionadas para as quatro mostras competitivas DOC-FAM, Mostra Curtas Catarinense, Curtas Mercosul e Mostra Infantojuvenil.

Na Mostra DOC-FAM, dedicada aos documentários, participam seis produções. Na Mostra Curtas Mercosul, 12 filmes concorrem e nas Mostras de Curtas Catarinenses e Mostra Infantojuvenil, seis produções em cada uma delas. Completam a programação das mostras cinco filmes convidados.

Pluralidade de temas e linguagens na Mostra DOC-FAM

A Mostra DOC-FAM 2016 vai apresentar seis documentários de longa-metragem, com temas que vão do futebol, ditadura militar brasileira e música regionalista à revolução na psiquiatria e uma viagem ao Rio São Francisco e ao cotidiano de um presídio. Entre eles estão duas estreias, o argentino Zebras, de Javier Zeballos, e o brasileiro Ao Som do Chamamé, de Lucas de Barros.

Filmes de seis países em competição na Mostra Curtas Mercosul

A Mostra Curtas Mercosul deste ano terá 15 produções do Brasil, Chile, Uruguai, Colômbia, Peru e Argentina. Em competição estarão 12 filmes e três são convidados. Pela primeira vez, haverá a participação de um filme vencedor do Festival Oberá en Cortos, realizado em Misiones, Argentina, que firmou convênio com o FAM para exibições recíprocas de filmes premiados nos dois festivais. Os convidados da mostra são o documentário Quem matou Eloá?, de Lívia Perez (24 min), e os catarinenses, Rio da Madre, de Fábio Brüggemann (19 min) e A Galinha da Vizinha, de Beatriz Peixoto (29 min).

A diversidade da produção regional na Mostra Catarinense

Curtas-metragens produzidos em diversas regiões de Santa Catarina afirmam a produção audiovisual do estado fora da capital. Pelo seu Circuito FAM de cinema o Festival leva os filmes premiados para as cidades do interior de Santa Catarina e seleção da mostra deste ano provam que o potencial de produção audiovisual do estado também está fora da capital.
Estarão na Mostra Catarinense, que terá seis filmes em competição e um convidado, Clareando, de José Boita, de Chapecó. Cinco deles estreiam no FAM, O Morto, de Fabrício Porto, Deserto Verde, de Juliana Kroeger, Buracão, de Teka Simon e Camila Oliveira, Echá Pa'Lante, de Brian Ruiz, Cecília Brancher e Irene Gutierrez e A Fresta, de Luana de Amorim Machado.

Universo de adolescentes surdos em Crisálida, estreia na Infantojuvenil

Seis filmes concorrem na mostra dedicada às crianças e jovens. Também participa como convidado o piloto da série de televisão Crisálida. A ficção apresenta jovens surdos que superam as dificuldades do dia a dia em uma sociedade desenhada apenas para ouvintes. No episódio piloto, que estreia no FAM 20 anos, Rubens (Cleiton Cesar Ribeiro) vive os conflitos da adolescência num universo onde o som não existe. Acessibilidade também é tema do Painel do Fórum Audiovisual Mercosul. E pelo segundo ano consecutivo o FAM realiza uma sessão especial no Hospital Infantil Joana de Gusmão, no dia 21 de junho, às 14 horas.

Campanha FAM e todos nós estimulando a arte na infância e juventude

O desafio lançado no FAM do ano passado de colorir a criatividade e imaginação das crianças e adolescentes do Hospital Infantil Joana de Gusmão, volta este ano. Durante os oito dias de Festival, iremos arrecadar lápis de cor, giz de cera, massinha de modelar, livros infantis e livros para colorir para serem doados ao Hospital.

Exposição de arte

O artista plástico Paulo Govêa convidou nove artistas plásticos que vão produzir seus trabalhos durante o FAM. Todos que circularem pelo Festival poderão acompanhar os artistas em processo de criação das telas. Os quadros produzidos serão vendidos durante o FAM e toda a renda será revertida para a Campanha “FAM e todos nós estimulando a arte na infância e juventude” para a compra de material escolar. As obras também serão expostas na Galeria de Arte Lindolf Bell, no Centro Integrado de Cultura - CIC - de 27 de junho a 8 de julho.

Fórum Audiovisual Mercosul

O FAM 2016 também possui uma agenda específica para o Fórum Audiovisual Mercosul. Fazem parte Oficinas, Palestras, Encontros e Painéis que vão discutir temas contínuos como os “Avanços no Mercosul Audiovisual", o encontro das Entidades que irá debater a “Conjuntura Atual do Audiovisual Brasileiro", apresentação de estudo inédito com o “Diagnóstico de filmes brasileiros no circuito de festivais" e pelo segundo ano será abordado o tema “Acessibilidade no cinema".

Painel Acessibilidade Audiovisual

No dia 23 de junho, às 15h, o FAM 20 anos promove um painel sobre Acessibilidade Audiovisual, com a participação da professora da Universidade de Brasília (UnB) e audiodescritora Soraya Ferreira Alves e Sylvia Bahiense Naves, coordenadora de Gestão Estratégica da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura. Também participará do painel Alessandra da Rosa Pinho, produtora e roteirista do curta-metragem Crisálida e o doutorando da UFSC, Rodrigo Custódio da Silva, da área de linguística da língua brasileira de sinais. Na edição do ano passado, o Fórum Audiovisual do Mercosul abordou o tema pela primeira vez, com a presença de Sylva e Soraya, juntamente com dubladora e audiodescritora Márcia Caspary, de Porto Alegre, e Clarissa Agostini Pereira, audiodescritora e coordenadora do Ambiente de Acessibilidade Informacional da UFSC.

Oficinas

Três Oficinas fazem parte da programação e estão com inscrições abertas no site www.famdetodos.com.br . Os temas são: Introdução à direção de fotografia (Marco Aurélio Ribeiro), Roteiro cinematográfico (Dani Patarra), Coprodução para séries para jovens realizadores (Luis Lomenha).

Introdução à direção de fotografia
Em duas tardes do FAM, o mineiro Marco Aurélio Ribeiro vai falar sobre as noções iniciais da função de diretor de fotografia. Entre os tópicos a serem abordados na oficina estão a importância da direção de fotografia em um filme; a luz como elemento estrutural e dramático; esquemas de iluminação; princípios da cinematografia: câmeras, luz, exposição; filtros e gelatinas; e formatos e codecs de captação de imagem.
Quando: 20 e 21 de junho, das 14 às 18h30

Roteiro para cinema
A roteirista Dani Patarra, que atua na área desde 1996, vem ao FAM falar sobre desenvolvimento de roteiro cinematográfico. A oficina é voltada para interessados iniciantes em criação de roteiro para cinema, ou para quem já tem experiência mas deseja ouvir os relatos de quem roteirizou com Jorge Durán os longas-metragens Proibido Proibir (2007, melhor roteiro em Huelva) e Não se pode viver sem amor (2010, melhor roteiro em Gramado).
Quando: 20 de junho, das 14h às 18h

Coprodução audiovisual para jovens realizadores
O produtor e diretor Luis Lomenha apresenta dois dias de oficina para compartilhar sua experiência em realização audiovisual por coprodução. Luis é fundador, junto com os cineastas Fernando Meirelles e Katia Lund, com quem trabalhou no premiado Cidade de Deus, da ONG Cinema Nosso, que funciona desde 2007 na Lapa, no Rio de Janeiro, com o objetivo de desenvolver o senso crítico de crianças, adolescentes e jovens oriundos das classes populares por meio da linguagem audiovisual.
Quando: 21 e 22 de junho, das 9h30 ao meio dia

Confira a lista dos filmes selecionados, em ordem alfabética:

MOSTRA DOC-FAM
• 5 Vezes Chico - O Velho e sua Gente, de Gustavo Spolidoro, Ana Rieper, Camilo Cavalcante, Eduardo Goldenstein, Eduardo Nunes | Minas Gerais, Bahia, Alagoas, Pernambuco, Sergipe - Documentário - 90min
• A Noite Escura da Alma, de Henrique Dantas | Bahia - Documentário - 95min
• Ao Som do Chamamé, de Lucas de Barros | Florianópolis- Documentário - 110min
• Central, de Tatiana Sager | Porto Alegre- Documentário - 87min
• Olhar de Nise, de Jorge Oliveira | Brasília - Documentário - 84min
• Zebras, de Javier Zevallos | Buenos Aires, Argentina. - Documentário - 74min

MOSTRA DE CURTAS CATARINENSE
• A Fresta, de Luana de Amorim Machado | Palhoça - Ficção - 20min
• Buracão, de Teka Simon e Camila Oliveira | Blumenau - Documentário - 18min
• Deserto Verde, de Juliana Kroeger | Florianópolis, Correia Pinto, Otacílio Costa - Documentário - 29min
• Echá Pa'Lante, de Brian Ruiz, Cecília Brancher, Irene Gutierrez | Florianópolis, San José e Colón - Brasil, Costa Rica e Panamá - Documentário - 5min
• Good Friday's With Porao 26, de Howard Cohen | Florianópolis - Documentário - 22min
• O morto, de Fabrício Porto | Joinville. - Ficção - 6min

Convidado: Clareando (Convidado), de José Boita | Chapecó - Ficção - 16min

MOSTRA CURTAS MERCOSUL
• Castillo y el Armado, de Pedro Harres | Porto Alegre - Animação - 13min
• Chacal Palavra Filme, de Piu Gome | Rio de Janeiro - Documentário - 19min
• D.E.U.S, de Rafael Costa | Rio de Janeiro - Ficção - 15min
• Dia dos Namorados, de Roberto Burd | Porto Alegre - Ficção - 9min
• Estokolmo, de Esteban Santana-Nicolas Klein | Puerto Varas, Chile - Ficção - 13min
• Las musas de Pogue, de Germán Arango | Medellín, Bojayá, Colômbia - Documentário - 30min
• LUX, de Alvaro Luque | Lima, Peru - Ficção - 7min
• O Demônio e as Margaridas, de Ronaldo dos Anjos | Florianópolis - Ficção - 15min
• Quem não tem cão, de Cíntia Domit Bittar | Florianópolis - Ficção - 13min
• Rosinha, de Gui Campos | Brasília - Ficção - 14min
• Vacío, de Joaquín Vallés | Montevideo, Uruguai - Ficção - 08min

Especial Oberá en Cortos: Yasi Pora, de Cecilia Belén Sandoval, Pavel Tavares | Missiones, Argentina - Documentário - 26min

Convidado:
A galinha da vizinha, de Beatriz Peixoto | Florianópolis - Ficção - 27min
Rio da Madre, de Fabio Bruggemann | Florianópolis - Ficção - 20min
Quem matou Eloá?, de Lívia Perez | São Paulo - Documentário - 24min

MOSTRA INFANTOJUVENIL
• Crônicas de OlIver, de Italo Rocha e Marcelo Zuza | Rio Branco - Animação - 23min
• H2Obby, de Flávia Trevisan | São Paulo - Animação - 3min
• Meu Pequeno Herói Não Sabe Voar, de Pedro Jorge | Sao Paulo - Ficção - 19min
• O Melhor Som do Mundo, de Pedro Paulo de Andrade | São Paulo - Ficção - 13min
• Òrun Àiyé - A Criação do Mundo, de Jamile Coelho e Cintia Maria | Salvador - Animação - 12min
• Salu e o Cavalo Marinho, de Cecilia da Fonte | Pernambuco - Animação - 13min
Convidado: Crisálida (piloto de série), de Serginho Melo | Florianópolis - Ficção - 20min

Programação
Último dia do FAM 20 anos

Sexta-feria, 24, é o último dia da 20ª Edição do Florianópolis Audiovisual Mercosul e o dia é recheado de programação. Começa ao meio dia e trinta com a Sessão Itapema, preferência de público com a reapresentação dos dois curtas mais votados da Mostra Mercosul da Noite de Ontem. O argentino Jasy Porã e o brasileiro Rosinha.

Às três horas da tarde, o Painel “Coproduções no âmbito da Ancine” com Rosana Alcântara (ANCINE) e Beto Rodrigues que expõem e comentam os mecanismos de incentivo às coproduções audiovisuais entre o Brasil e os países com os quais a Agência tem convênio.

Na Mostra Paralela, às 17h30min, a cantora Sílvia Abelin que estará acompanhada com dos músicos Guinha Ramires e Ricardo Baugarten. A cantora vai lançar o video clip antes da Cerimônia de Premiação.

Tradicionalmente na noite de encerramento, dois longas são apresentados. E nesta sexta-feira, 24, será a estreia do filme experimental catarinense Angelus Novus, dos diretores Rafael Schlichting, Claudia Cárdenas, a partir das 18h.

Às 19h30min, será a abertura da Cerimônia de Premiação do FAM 20 Anos. As quatro mostras competitivas do Festival - Doc-FAM, Infantojuvenil, Curtas Catarinense e Curtas Mercosul, recebem os prêmios eleitos pelo júri oficial e popular.

Para encerrar o FAM 2016, o longa-metragem Campo Grande, de Sandra Kogut. A exibição será com audiodescrição (faixa narrativa adicional para cegos e deficientes visuais) para todos da sala de cinema entenderem como é e se sensibilizarem.

Confira a programação completa no site www.famdetodos.com.br
20º FAM - Florianópolis Audiovisual Mercosul


Categorias: Junho 2016
Deixe seu comentário!





Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 19 Junho 2018 Make Music Day terá aulas gratuitas de sete modalidades na Escola de Música Rafael Bastos
até 19 Junho 2018 12ª Feira de Artes Entremostras abre inscrições
até 19 Junho 2018 Inscrições para 1.937 vagas em 49 cursos gratuitos técnicos e Proeja do IFSC
até 20 Junho 2018 Sala Verde UFSC promove atividades gratuitas


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar