FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Junho 2016
Inscrições para o Prêmio Desterro – 7° Festival de Dança de Florianópolis



Quando: até 15 de junho
Onde: Teatro Ademir Rosa (CIC)
Endereço: Av. Governador Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica
Evento no FB: www.facebook.com/FestivaldeDanca
Informações: tel (48) 8447-9394
e-mail: contato@premiodesterro.com.br

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Desterro – 7° Festival de Dança de Florianópolis, que ocorrerá de 30 de agosto a 4 de setembro no Teatro Ademir Rosa, no Centro Integrado de Cultura (CIC). Podem participar do processo seletivo bailarinos, grupos, companhias, escolas e academias do Brasil e do exterior, profissionalizados ou não. A premiação total de R$ 22 mil será distribuída entre os melhores bailarino, bailarina e coreógrafo, os vencedores de cada gênero de dança, o destaque do evento e o grande campeão.

São aceitos trabalhos de balé clássico, balé clássico de repertório, dança contemporânea, dança de salão, danças populares, danças urbanas, jazz e sapateado, que concorrerão em duas categorias: júnior (nascidos entre 2000 e 2004) e adulto (nascidos até 1999). Os subgêneros estão divididos em solo masculino e feminino, duo e conjunto.

A inscrição de coreografias é ilimitada, porém somente um trabalho por combinação de gênero, subgênero e categoria de cada grupo poderá ser aprovado – exceto no subgênero solo, desde que não seja o mesmo bailarino. Por exemplo: um jazz/duo/júnior, um jazz/duo/adulto, um sapateado/conjunto/júnior, um sapateado/conjunto/adulto e assim por diante. As apresentações de solos e duos não podem ultrapassar três minutos e as de conjunto cinco minutos.

Os candidatos devem postar as fichas de inscrição no site www.premiodesterro.com.br e efetuar o pagamento da taxa de avaliação, no valor de R$ 15 por coreografia, até 15 de junho. Já os respectivos vídeos podem ser enviados tanto via online (upload), até a mesma data, quanto por Sedex, até o dia 10 de junho (valendo a data do carimbo dos Correios). Endereço: Avenida Hercílio Luz, n° 639, sala 508, Centro, Florianópolis/SC, CEP 88020-001. A relação dos selecionados será divulgada até 4 de julho. Apenas estes pagarão taxa de inscrição e remeterão os demais documentos exigidos até 20 de julho, por Sedex.

Custos da inscrição:

*Conjunto: R$ 35 (por bailarino)
*Duo: R$ 160 (a dupla)
*Solo: R$ 140
*Assistentes, diretores e coordenadores: R$ 35, independentemente do número de coreografias inscritas
*Coreógrafos: isentos
Estes valores correspondem à participação dos bailarinos em apenas uma coreografia. Quem dançar em outro trabalho deverá pagar nova taxa, integralmente.

Novidades

O cronograma foi ampliado em mais um dia, além dos cinco que o festival vinha mantendo desde 2014, sendo a noite de abertura exclusiva para o espetáculo convidado. Nas demais, subirão ao palco os competidores: dia 31, sapateado e balé; dia 1°, contemporâneo e balé; dia 2, contemporâneo e dança de salão; dia 3, jazz e danças populares; dia 4, jazz e danças urbanas.

As categorias voltaram a ser duas: júnior (12 a 16 anos) e adulto (a partir de 17 anos). O nível sênior, que desde 2013 absorvia os candidatos dos 14 aos 17 como faixa etária intermediária, foi extinto. “Observamos que em determinados casos, havia apenas um concorrente. Desta maneira, teremos mais competição entre eles”, explica o presidente do Instituto Cultural Desterro, Carlos Eduardo de Andrade.

A suspensão do limite de inscrição de apenas um trabalho por combinação de gênero/subgênero/categoria de cada grupo, segundo o diretor, deveu-se “a pedidos de muitos bailarinos que tinham mais de uma coreografia com as mesmas características e não sabiam qual escolher. Com isso, eles poderão enviar para que sejam avaliadas por nós”. A exceção é para o subgênero solo, quando apresentado por bailarinos diferentes. Apesar da liberação, está mantida a determinação de apenas um destes trabalhos ter a possibilidade de ser aprovado.

Ao contrário dos anos anteriores, quando a banca era mista com até seis integrantes, haverá três profissionais especialistas para julgar cada gênero competitivo. Conforme o também diretor Daniel Pozzobon, era um desejo dos grupos serem avaliados por um olhar mais específico. “Tivemos o cuidado de ouvir as opiniões dos participantes a respeito dos júris que passaram pelas outras seis edições”.

Uma nova premiação de R$ 1 mil foi instituída para apontar o melhor coreógrafo. Com mais esta distinção, o valor total distribuído aos vencedores foi elevado para R$ 22 mil. “A expectativa é superar a edição anterior, tanto em número de participantes, quanto o de coreografias recebidas para o processo de seleção. Além da credibilidade adquirida, penso que a parceria com outros festivais e o nível da competição sejam fatores importantes para ao crescimento”, conclui Andrade.

Avaliação e premiação

Profissionais de reconhecimento nacional na área da dança formarão a comissão julgadora que apontará os três primeiros colocados nos subgêneros solo feminino e masculino, duo e conjunto, em todos os oito gêneros, nas duas categorias (júnior e adulto).

O primeiro lugar será o que atingir a maior média acima da nota 9; o segundo, a média imediatamente inferior ao primeiro lugar e acima da nota 8; e o terceiro, a média imediatamente inferior ao segundo lugar e acima da nota 7. Todos receberão troféus pela classificação.

O grupo ou bailarino considerado pelos avaliadores como o melhor de cada um dos oito gêneros receberá R$ 1 mil em dinheiro. Os melhores bailarino e bailarina ganharão R$ 500 cada um e o melhor coreógrafo R$ 1 mil. Todos os participantes, mesmo não alcançando classificação, poderão ser indicados a um prêmio especial de R$ 2 mil, que será outorgado a um dançarino, grupo, escola, figurinista, ensaiador, coreógrafo ou conjunto de obra que venha a ser destaque no evento. E ao campeão do festival será concedido o Prêmio Desterro, no valor de R$ 10 mil. A escolha será feita por um júri composto por integrantes das comissões julgadora e organizadora.

Além dos prêmios em dinheiro, o evento oferece algumas oportunidades aos classificados. Os primeiros colocados em cada gênero/subgênero/categoria terão vaga garantida para se apresentar na edição seguinte do festival com coreografia de igual combinação, sem necessidade de seleção, mas igualmente pagando a taxa de inscrição. Já os melhores de cada gênero ganharão direito a concorrer no 25° Passo de Arte – Competição Internacional de Dança, que será realizado em julho de 2017, em Indaiatuba (SP), porém, deverão adaptar-se ao regulamento e também pagar taxa.

Por meio de uma parceria exclusiva em Santa Catarina, o Prêmio Desterro indicará até quatro bailarinos com idade máxima de 19 anos para a seletiva nacional do Youth America Grand Prix (YAGP), agendada no próximo semestre, em São Paulo. Os escolhidos serão isentos de taxa de inscrição e concorrerão a vagas para disputar a etapa final, em abril de 2017, em Nova York, onde os vencedores ganharão bolsas de estudos nas melhores escolas de dança da Europa e dos Estados Unidos.

Prêmio Desterro online:
Site: www.premiodesterro.com.br
Facebook: facebook.com/festivaldedanca
Twitter: @premiodesterro Inscrições para o Prêmio Desterro – 7° Festival de Dança de Florianópolis

Categorias: Junho 2016
Deixe seu comentário!
comentários







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 09 Dezembro 2016 Exposição "Conexões Viscerais" e... >> Exposições
até 14 Dezembro 2016 Inscrições para Projeto Verão Cultural CIC... >> Música
até 17 Dezembro 2016 Inscrições para oficinas gratuitas de comp... >> Educação / Cursos
até 25 Dezembro 2016 Inscrições abertas para o 4º Bazar Vegano ... >> Especiais / Outros
até 28 Maio 2017 Ironman Florianópolis 2017 abre inscrições >> Esportes
Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter
Buscar