FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Maio 2017
Programação gratuita do Cinema do CIC - Maio de 2017



Quando: 28 Maio 2017, Domingo
Onde: Centro Integrado de Cultura (CIC)
Endereço: Av. Governador Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica
Quanto: Gratuito

Em maio, o Cinema do Centro Integrado de Cultura exibe filmes de terror, sobre prisões e direitos humanos, além de curtas catarinenses e outros premiados no Florianópolis Audiovisual Mercosul (FAM). Os filmes são exibidos de quinta-feira a domingo com entrada gratuita. A realização é uma parceria entre Fundação Catarinense de Cultura (FCC) e o curso de graduação de Cinema da Unidade Pedra Branca, da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul).

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA PARA MAIO DE 2017:

Mostra de terror - Festival Hammer de Horror
Os clássicos de horror da Hammer chegam ao Centro Integrado de Cultura, com alguns melhores curtas-metragens brasileiros do gênero. Após o ciclo dos monstros da Universal e a abordagem psicológica da RKO potencializarem o cinema de gênero, a produtora inglesa Hammer começou a produzir alguns dos maiores clássicos do terror, acrescentando cor e tragédia.

4 de maio de 2017 (quinta-feira), às 20h:

Kassandra
De Ulisses da Motta
Duração: 24 min.
Classificação: 14 anos.

Terror Que Mata (The Quatermass Xperiment)
De Val Guest
Duração: 82 min.
Classificação: 16 anos.
Ano: 1955

5 de maio de 2017 (sexta-feira), às 20h:

Um Ramo
De Marco Dutra e Juliana Rojas
Duração: 15 min.
Classificação: 18 anos.

O Vampiro Da Noite / Dracula
De Terence Fischer
Duração: 82 min.
Classificação: 16 anos
Ano: 1958

6 de maio de 2017 (sábado), às 20h:

O Segredo da Família Urso
De Cíntia Domit Bittar
Duração: 25 minutos.

A Vingança De Frankenstein (The Revenge Of Frankenstein)
De Terence Fischer
Duração: 89 min
Classificação: 16 anos.
Ano: 1958
Debate pós-sessão: Andrey Lehnemann, jornalista e crítico de cinema do Diário Catarinense e Daniel Medeiros, crítico de cinema.

7 de maio de 2017 (domingo), às 20h:

Religare
De Alexandre Linck
Duração: 20 minutos
Classificação: 14 anos.

As Bodas De Satã (The Devil Rides Out)
De Terence Fischer
Duração: 95 min.
Classificação: 16 anos
Ano: 1968

Filmes sobre o cárcere

11 e 13 de maio de 2017 (quinta-feira e sábado), às 20h:

Corpo delito
Direção: Pedro Rocha
Duração: 74 minutos
País: Brasil
Gênero: Documentário
Ano: 2017
Classificação indicativa: 16 anos
Sinopse: Ivan, 30 anos, acaba de sair da cadeia depois de oito anos preso. Ele agora está de volta à sua casa, de volta ao convívio de sua esposa, Gleice, e de seua filha, Glenda, de seis anos, que ele mal conhece. É uma chande de retomar a vida. No entando, o passado ainda o atormenta. Ivan está em liberdade condicional. Uma tornozeleira eletrônica o proíbe de fazer qualquer trajeto que não seja o de casa.

12 e 14 de maio de 2017 (sexta-feira e domingo), às 20h:

Sem pena
Direção: Eugenio Puppo
Duração: 90 minutos
País: Brasil
Gênero: Documentário
Ano: 2014
Classificação indicativa: 16 anos
Sinopse: Nenhuma população carcerária cresce na velocidade da brasileira, que já é a terceira maior do mundo. Sem Pena desce ao inferno da vida nas prisões brasileiras para expor as entranhas do sistema de justiça do país, demonstrando como morosidade, preconceito e a cultura do medo só fazem ampliar a violência e o abismo social existente.

Mostra de curtas catarinenses

18 e 19 de maio de 2017 (quinta-feira e sexta-feira), às 20h:

Dio Cane, 15 minutos - Dir: Gabriel Rocha Mialchi (ficção)
Ecdise, 13 minutos - Dir: Rafael Minari (ficção)
Pontilhismo, 6 minutos - Dir: Eduardo Ceron (documentário)
1234, 30 minutos - Dir: Lídio Ramalho e Fedra Rodrigues (documentário)
Tudo é Ritmo, 17 minutos - Dir: Andressa Ocker (documentário)

Sinopses:
- Dio Cane, dirigido por Gabriel Mialchi: Família se muda em busca de um recomeço, mas a morte de um cachorro traz à tona aquilo que eles tentavam esconder.
- Ecdise, dirigido por Rafael Minari: O que acontece quando deixamos que nosso instinto aja sem qualquer pudor ou norma social? A solidão, a noite e o desejo despertam o seu Eu mais primitivo e, quando menos se espera, ele já o dominou. Chegando ao limite é que se percebe que não há mais volta. Nada será como antes.
- Pontilhismo, dirigido por Eduardo Ceron: Com a técnica de pontilhismo usada nas pinturas do impressionismo francês, as imagens buscam compor uma forma através de pontos luminosos em movimento. Um diálogo entre Cinema e Pintura no qual ocorre uma suspensão do espaço e permite um novo olhar sobre o real.
-1234, dirigido por Lídio Ramalho: Documentário e ficção se misturam para contar a história de imigrantes sírios e suas experiências ao longo de toda uma jornada pela própria vida.
- Tudo é ritmo, dirigido por Andressa Ocker: Com uma narrativa musical marcante, o documentário de cerca de 17 minutos, ressoa no peito do espectador a história da cultura, originaria do oeste africano, em sincretismo com a cultura brasileira que, há 20 anos, faz parte da vida florianopolitana. Esta cidade que com belos cenários abriga, de forma única, o movimento ‘afro’. Mergulhamos nessa exótica arte que ecoa dos tambores e das danças numa experiência sensorial onde “Tudo é ritmo”.

Circuito FAM de cinema
Como parte da mostra itinerante dos filmes premiados no 20º FAM trazendo para o CIC uma seleção muito especial de curtas.

20 de maio de 2017 (sábado), às 20h:

Programa 4
Chacal - Palavra Filme apresenta o poeta em seu próprio estilo. Os perigos ao meio ambiente estão retratados em Castillo y el armado e Deserto verde, este último uma produção catarinense. Uma luz de equilíbrio nos dá esperança em Jasy Porã.

21 de maio de 2017 (domingo), às 20h:

Programa 5
O grande premiado do 20º FAM e de diversos festivais Rosinha conta a história de amor que já chegou a terceira idade. Uma comédia com Deus e muita cultura de comunidades nativas em Las Musas de Pongue e Buracão.
Classificação indicativa: 16 anos

Mostra cinema e direitos humanos

25 de maio de 2017 (quinta-feira), às 19h30:

Madrepérola
Direção: Deise Hauenstein
País: Brasil
Ano: 2015
Duração: 15 min
Gênero: Documentário
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Em uma maré alheia à diversidade, vivem ostras que são afetadas por serem consideradas fora dos padrões e medidas. Essa é uma história sobre como as pérolas se formam.

Meu Nome é Jacque
Direção: Angela Zoé
País: Brasil
Ano: 2016
Duração: 72 min
Gênero: Documentário
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: O documentário aborda a diversidade através da história de vida de Jaqueline Côrtes, uma mulher transexual brasileira, que vive com Aids. Militante pela causa, Jacque tem a vida marcada por lutas e conquistas como representante do governo brasileiro na ONU.

26 de maio de 2017 (sexta-feira), às 19h30:

Chega de Saudade
Direção: Laís Bodanzky
País: Brasil
Ano: 2008
Duração: 95 min
Gênero: Ficção
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: História ambientada durante uma noite de baile, o espectador acompanha, em uma única noite, os dramas e as alegrias de cinco núcleos de personagens frequentadores do baile. Mesclando comédia e drama, Chega de Saudade aborda o amor, a solidão, a traição e o desejo, num clima de muita música e dança.

27 de maio de 2017 (sábado), às 20h:

Humano - Uma Viagem Pela Vida
Direção: Yann Arthus-Bertrand
País: França
Ano: 2015
Duração: 143 min
Gênero: Documentário
Classificação indicativa: 12 anos
Sinopse: Mais de 2 mil entrevistas em 60 países dão vida a este comovente documentário que reflete o que somos e o que queremos, não só como indivíduos, mas como sociedade. Pessoas comuns falam espontaneamente o que pensam sobre amor, morte, ódio, discriminação, desigualdade, fome, esperança, sexo e muitos outros assuntos ligados à natureza humana.

28 de maio de 2017 (domingo), às 20h:

Depois Que Te Vi - Mostra Panorama
Direção: Vinícius Saramago
País: Brasil
Ano: 2016
Duração: 16 min
Gênero: Ficção
Sinopse: Gustavo é um jovem autista que trabalha na farmácia do tio. Ele cumpre metodicamente sua rotina, mas isso muda quando ele sai para fazer uma entrega e vê uma menina passar de bicicleta. A partir daí seu foco passa a ser essa nova paixão.

De Que Lado Me Olhas - Mostra Temática
Direção: Ana Carolina de Azevedo e Helena Sassi
País: Brasil
Ano: 2014
Duração: 15 min
Gênero: Documentário
Classificação indicativa: Livre
Sinopse: "O que é não pede para ser, simplesmente é." Em Porto Alegre, sete pessoas oferecem suas perspectivas sobre uma importante realidade desconversada. Programação gratuita do Cinema do CIC - Maio de 2017

Categorias: Maio 2017
Deixe seu comentário!
comentários







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 17 Agosto 2017 2º Encontro de Saberes: Diálogos, Desafios... >> Cinema Gratuito
até 17 Agosto 2017 Inscrições para curso gratuito de Gnosis -... >> Educação / Cursos
até 19 Agosto 2017 Curso Cultivo de Orquídeas para iniciantes... >> Educação / Cursos
até 19 Agosto 2017 Tour Gratuito Côza Nossa - Coqueiros Histó... >> Especiais / Outros
até 21 Agosto 2017 Projeto Museus Virtuais terá 22 sessões gr... >> Exposições
até 21 Agosto 2017 Inscrições para cursos gratuitos de flauta... >> Música
Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter
Buscar