FaceBook Instagram Twitter


Ciclo exibe filmes sobre artistas em sessões gratuitas no Cinema do CIC



Quando: de 3 a 6 de julho
Onde: Centro Integrado de Cultura (CIC)
Endereço: Av. Governador Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica
Quanto: Gratuito
Evento no FB: www.facebook.com/events/455789815222328

Na primeira semana de julho, entre os dias 3 e 6, a sala de cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) terá ciclo de filmes sobre artistas com sessões gratuitas, em parceria entre Cinemática e Cineclube Unisul.

A proposta do Ciclo Artistas é exibir filmes que tenham relação com a vida e trajetória de artistas: Agnès Varda, Tunga, Frida Kahlo e Van Gogh.

A produção artística em narrativas de documentário subjetivo, depoimentos afetivos, imagens de acervo, dramatização ou ótica autoral, é o tema do Ciclo Artistas de julho.

Confira a programação completa do Cinema do CIC para julho

Confira a programação do Ciclo Artistas:

Dia 03, a partir das 19h30:
"Visages, Villages" (2017), de Agnès Varda e JR
Com bate-papo informal com Lela Martorano, Rodrigo Ramos e Izabela Drozdowska-Broering.
Sinopse: Filme estilo "selfie" produzido pela cieneasta Agnès Varda e pelo fotógrafo JR, pelas ruas da França.
Classificação indicativa: livre

Dia 04, a partir das 19h30:
"Tunga - O Esquecimento das Paixões" (2019), de Miguel Almeida
Conversa com Letícia Cardoso, Juliana Crispe e Marta Martins, com a presença do diretor
Sinopse: O filme fala sobre Antonio José de Barros Carvalho e Mello Mourão, conhecido como Tunga, que nasceu em Pernambuco e estudou arquitetura e urbanismo no Rio, onde desenvolveu sua carreira nas artes plásticas iniciada na década de 70.
Classificação indicativa: 18 anos

Dia 05, a partir das 20h:
"Frida" (2002), de Julie Taymor
Bate-papo com Fênix Lua (Renata Santos da Silva, coordenadora do Cinema Mundi/UFSC)
Sinopse: Frida Kahlo (Salma Hayek) foi um dos principais nomes da história artística do México. Conceituada e aclamada como pintora, ele teve um agitado casamento aberto com Diego Rivera (Alfred Molina), seu companheiro também nas artes, e ainda um controverso caso com o político Leon Trostky (Geoffrey Rush), além de várias outras mulheres.
Classificação indicativa: 14 anos

Dia 06, a partir das 20h:
Portal da Eternidade (2018), de Julian Schnabel
Sinopse: Narra a trajetória de Vincent Van Gogh (Willem Dafoe) decide ouvir o conselho de seu mentor, Paul Gauguin (Oscar Isaac), e se mudar para Arles, no sul da França. Lá, lutando contra os avanços da loucura, da depressão e as pressões sociais, o pintor holandês adentra uma das fases mais conturbadas e prolíficas de sua curta, porém meteórica trajetória.
Classificação indicativa: 14 anos

Tunga, o Esquecimento das Paixões

Dentre esses filmes, o documentário “Tunga, o Esquecimento das Paixões” terá sua estreia na Sessão Cinemática 04 de julho, quinta-feira. Com a presença do diretor, após a projeção do filme haverá bate-papo com as artistas visuais, curadoras e pesquisadoras Letícia Cardoso, Juliana Crispe e Marta Martins, e mediação da jornalista cultural Carol Macario.

Conhecido como Tunga, Antonio José de Barros Carvalho e Mello Mourão nasceu em Pernambuco e estudou arquitetura e urbanismo no Rio, onde desenvolveu sua carreira nas artes plásticas iniciada na década de 70. Filho do poeta e jornalista Gerardo de Mello Mourão e de Léa Barros, uma das mulheres que posou para o quadro “As Gêmeas”, de Guignard, Tunga investigou literatura, filosofia, psicanálise, teatro, cinema e ciências exatas e biológicas para realizar seu trabalho através do desenho, escultura e performance.

O filme usa a trajetória de Tunga, e de seus companheiros de viagem, como os artistas Miguel Rio Branco e Cildo Meireles, e o criador de Inhotim, Bernardo Paz, para registrar o reconhecimento internacional das obras artísticas forjadas no Brasil dentro de um caráter internacionalista.

Sobre o filme
"Tunga - O Esquecimento das Paixões" (BRA, 2018, 73’)
Direção: Miguel de Almeida
Produção: Beto Tibiriçá e Mario Borgneth
Produção: Plateau Produções
Coprodução: Canal Brasil
Voz: Marina Lima
Roteiro: Miguel de Almeida e Thomaz Marcondes
Fotografia: Aldo Ribeiro
Montagem: Alexandre Gwaz
Distribuição: CUP Filmes
Depoimentos: Miguel Rio Branco, Paulo Sérgio Duarte, Cildo Meireles, Bernardo Paz, Murilo Salles, Fernando Sant’Anna, Arthur Omar, Cosme Tome da Silva, Leonardo Gomes Guimarães, José Mário Pereira
Sinopse: O diretor Miguel De Almeida constrói sua visão da vida e da obra de Tunga, registrando o universo criativo e afetivo do escultor, desenhista e artista performático, a partir de fragmentos de obras, instalações e performances. O filme apresenta um farto material, incluindo uma instalação na pirâmide do Louvre, do artista que foi o único no mundo a expor arte contemporânea no prestigiado museu.







Ciclo exibe filmes sobre artistas em sessões gratuitas no Cinema do CIC


Categorias: 2019
Deixe seu comentário!







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 18 Julho 2019 Prefeitura abre 500 vagas gratuitas em palestras para empreendedores
até 21 Julho 2019 Programa Jovem em Ação oferece 1,3 mil vagas gratuitas em cursos de capacitação profissional
até 21 Julho 2019 Prefeitura abre cinco mil vagas em aulas gratuitas de defesa pessoal para mulheres


Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter


Buscar