FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Março 2015
249ª edição da Procissão do Senhor dos Passos - Programação



Quando: 21 e 22 de março
Onde: Capela do Hospital de Caridade, Catedral Metropolitana - Centro
Quanto: Gratuito

Procissão do Senhor Jesus dos Passos, é um símbolo da cidade de Florianópolis

A Procissão do Senhor dos Passos é a mais antiga manifestação de fé e religiosidade popular de Santa Catarina, sendo o primeiro evento registrado como Bem Cultural de Natureza Imaterial do Estado de Santa Catarina. Em 2015, a Procissão será realizada nos dias 21 e 22 de março.

Ronaldo Koerich, coordenador geral da Procissão, reiterou a necessidade de cada vez mais atrair os jovens para o evento. "Há alguns anos estamos trabalhando para que os jovens estejam mais presentes e atuantes, que conheçam a história e a importância desta realização. Já incluímos uma ala jovem e para este ano, que marca os 250 anos da Irmandade do Senhor dos Passos, estamos realizando um trabalho junto aos grupos de jovens da Grande Florianópolis para sensibilizarmos um número ainda maior de pessoas e perpetuar a tradição”, pontua Koerich. Para se aproximar ainda mais dos jovens, este ano a Procissão também terá ações nas redes sociais.

Já estão confirmadas as participações dos padres Valmir Silvano, Márcio Vignoli e Pedro Koehler, bem como do Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Jönck. O selo comemorativo aos 250 anos da Irmandade, feito em parceria com os Correios, já está sendo aplicado nos materiais de divulgação do evento.

A programação para os fieis tem início no dia 15 de março, com as tradicionais missas na Capela Menino Deus, mas o evento conta com dois grandes momentos de devoção, a transladação das imagens do Senhor Jesus dos Passos e da Nossa Senhora das Dores, na noite do dia 21 de março, sábado, às 20 horas, com saída da Capela Menino Deus, anexa ao Imperial Hospital de Caridade. E a procissão do encontro das imagens - que reúne milhares de fiéis nas principais ruas do Centro da Capital – que está marcada para 22 de março, domingo, às 16 horas, tendo como ponto de partida a Catedral Metropolitana de Florianópolis. Para este ato, mais uma novidade: as bandas que fazem o cortejo pelo Centro de Florianópolis serão acompanhadas por um cantor, para dar maior sonoridade ao evento e estimular ainda mais a população a entoar os cânticos. A expectativa da comissão organizadora é reunir em 2015 mais de 60 mil pessoas na Procissão.

Em paralelo a realização da Procissão deste ano, ocorre a celebração dos 250 anos da Irmandade do Senhor Jesus dos Passos, que terá apresentação especial da Camerata Florianópolis no Centro Integrado de Cultura no dia 7 de março que marcará o Lançamento do CD da Camerata Florianópolis, produzido com músicas sacras da Procissão, reunindo grandes nomes da música da cidade. O CD será comercializado a um preço simbólico e o valor arrecadado será revertido para caridade. Serão produzidos 32 mil CD’s, que foi subsidiado com projetos e doações.


Programação da 249ª Procissão do Senhor dos Passos

Dia 15/03/15 – Domingo
8h – Missa de Investidura de Novos Irmãos e Irmãs
Local: Capela Menino Deus (Irmandade do Senhor Jesus dos Passos)

Dia 18/03/15 – Quarta-feira
19h – Missa e Bênção do Santíssimo Sacramento

Dia 19/03/15 – Quinta-feira
9h – Missa e Administração do Sacramento da Unção dos Enfermos
19h – Missa e Bênção do Santíssimo Sacramento

Dia 20/03/15 – Sexta-feira
19h – Missa e Bênção do Santíssimo Sacramento

Dia 21/03/15 – Sábado
7h30 – Missa e Procissão do Carregador
18h – Missa em honra do Senhor Jesus dos Passos
20h – Transladação da Imagem do Senhor Jesus dos Passos e da Nossa Senhora das Dores da Capela Menino de Deus para a Catedral Metropolitana

Dia 22/03/15 – Domingo
9h30 – Missa na Catedral Metropolitana com a participação da Irmandade do Senhor Jesus dos Passos
16h – Procissão do Encontro das Imagens do Senhor Jesus dos Passos e Nossa Senhora das Dores

Dia 23/03/15 – Segunda-feira
8h30 – Missa de Ação de Graças
Local: Capela Menino Deus do Hospital de Caridade


Sobre a Irmandade

A Irmandade do Senhor Jesus Passos foi fundada no dia 01 de janeiro de 1765, com o objetivo de desenvolver o culto ao Senhor Jesus dos Passos e ser guardiã de sua imagem - que segundo a história oficial, seguia rumo a cidade de Rio Grande (RS) quando em 1764, atracou em Santa Catarina (por uma vontade divina, como afirmam os católicos da Ilha).

Mais tarde, em julho de 1782, a Irmandade iniciou a prática de obras de misericórdia e passou a prestar assistência aos doentes pobres e desvalidos, fornecendo alimentação e cuidados médicos com o auxílio do Irmão Antônio da Silva Gomes. Foi neste período que surgiu a instituição da "Caridade dos Pobres”, marco inicial para a implantação de um hospital (atualmente o Imperial Hospital de Caridade) com assistência médico hospitalar, e a Irmandade assumiu o trabalho de ajudar as pessoas que chegavam a Ilha do Desterro e não tinham um lugar para onde ir.

Atualmente, a Irmandade tem como provedor José Carlos Pacheco e é mantenedora e responsável pela administração, manutenção e zelo do Imperial Hospital de Caridade, da Capela Menino Deus, da Casa de Apoio Joana de Gusmão, do Cemitério, de todos os seus bens móveis, imóveis e demais atividades religiosas - com destaque para as festividades relacionadas à Procissão do Senhor dos Passos.

Sobre o Imperial Hospital de Caridade

O Imperial Hospital de Caridade foi inaugurado no dia 01 de janeiro de 1789, sendo o primeiro hospital de Santa Catarina (e 12ª Santa Casa construída no Brasil) voltado para o atendimento da população civil e carente do Estado.
Ao longo dos seus mais de 200 anos de tradição, tendo como mantenedora e gestora a Irmandade do Senhor Jesus dos Passos, o IHC passou de uma pequena construção edificada ao lado da Capela Menino Deus a símbolo de uma próspera instituição assistencialista e religiosa, com referência no atendimento médico hospitalar para os catarinenses.
O IHC é uma instituição filantrópica, que conta com 192 leitos distribuídos em quinze unidades de internação, atende pacientes pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e convênios privados, além de ter recebido em 2012, 2013 e 2014 o Certificado de Responsabilidade Social de Santa Catarina – destinado às entidades que desenvolvem ações de cunho socioambiental em suas políticas de gestão. Recentemente, passou a contar com o Centro Intensivo de Alta Complexidade Senhor Jesus dos Passos, considerado o mais moderno do Estado.



Do século XIV ao XVIII, aproximadamente, em Portugal, a Procissão se realizava na Quinta-Feira Santa, mas acabou sendo antecipada para um dia anterior e oportuno, devido a controvérsias litúrgicas, até se firmar nas Quintas-Feiras da semana anterior ao Domingo de Ramos.

Particularmente, nos Açores, de onde se transferiu à Ilha de Santa Catarina, a Procissão ocorria, e ocorre ainda hoje, em várias Capelas e Freguesias das diversas ilhas, em dias diferentes da semana anterior à Semana Santa.

Em Florianópolis, antiga Desterro, a primeira celebração teria acontecido em 1766, em uma Quinta-Feira, dois anos após a chegada da imagem à Desterro e da fundação da confraria "Irmandade do Senhor Jesus dos Passos", conforme referência assentada na 1ª prestação de contas dessa Irmandade, datada de 27 de setembro de 1767. Ali estão registradas despesas efetuadas com sermões, fitas, tecidos, linhas, cera, feitio de balandrau, entre outras, para a Procissão de 1766 (Fontes, 1765).

A Procissão do Senhor Jesus dos Passos, em Florianópolis, pouco mudou durante todo este tempo. Apresenta três momentos importantes :

A Lavação da Imagem

Quinze dias antes da Sexta-Feira Santa ocorre a lavação da imagem do Nosso Senhor Jesus dos Passos. Este ato é realizado por duas crianças menores de seis anos que passam um pano embebido em água perfumada nos pés, rosto e mãos da imagem. Em seguida, ela é preparada e vestida por quatro senhores, membros da Irmandade. Esta água perfumada e benta é distribuída entre as pessoas que a procuram para a cura de algum mal.

Transladação

No Sábado da quinta semana da Quaresma, após a celebração da missa às sete horas da manhã, acontece a Procissão do Carregador. Começa com a mudança das alfaias, que compreendem vários objetos utilizados na Procissão como castiçais, mesas, suportes, escadinha da Verônica, baús, crucifixos, etc, da Capela do Menino Deus para a Catedral, de onde sairá, no dia seguinte, a Procissão do Senhor Jesus dos Passos. No mesmo dia, a noite, são transladadas as imagens de Nosso Senhor Jesus dos Passos (às 20:00 horas) e Nossa Senhora das Dores (às 21:30 horas) com expressivo acompanhamento de Irmãos e devotos.

Procissão


A Procissão do Senhor Jesus dos Passos representa um momento de profunda religiosidade popular, particularmente visível nos símbolos e rituais da preparação e celebração. Contagia todo o povo católico do mundo, a devoção ao Senhor Jesus dos Passos, como se comprova com a multiprocissão, no caminho de sofrimento, crucificação, morte e ressurreição de Cristo, passagem que se revive durante a Semana Santa, segundo o Calendário Litúrgico da Igreja Católica.

Saem da Catedral Metropolitana de Florianópolis a Imagem do Nosso Senhor Jesus dos Passos e a Imagem de Nossa Senhora das Dores fazendo trajetos diferentes. O cortejo é aberto por um estandarte, chamado Guião, onde se lê a sigla S.P.Q.R. - Senado de Todo o Povo Romano - e segue, então, restituindo os passos do Calvário, numa representação da "Via Crucis".

Grande é o número de populares e autoridades que acompanham a secular Procissão. Integram o cortejo pessoas da comunidade representando as figuras de José de Arimatéia, Nicodemus, São João, Maria Mãe, Maria Madalena, Simão Cirineu, Três Beús e a Verônica, que acompanharam Cristo em direção ao Monte Calvário.

Junto ao cortejo verifica-se, também, a presença de pessoas "pagadoras de promessas", numa comovente atitude de fé e amor ao Senhor Jesus dos Passos. No decorrer da Procissão, acontecem algumas paradas, chamadas de "estações da Via Crucis". É neste momento que Verônica canta anunciando a dor de Cristo. Após o canto, a matraca (instrumento de madeira e ferro) é tocada e o seu som é o sinal para dar prosseguimento ao cortejo.

Ao atingir a Catedral Metropolitana, dá-se o comovente "Encontro" das duas imagens: Nosso Senhor Jesus dos Passos - o Filho - e Nossa Senhora das Dores - a Mãe, de onde é proferido o "Sermão do Encontro" por autoridade eclesiástica especialmente convidada. Após este ato, as duas procissões se unificam e seguem em direção à Capela do Menino Deus, no Morro da Boa Vista, simbolizando o Monte Calvário. Encerra-se, assim, a Procissão. Um comovente testemunho de fé e devoção, que se transmite de geração a geração.

Confira o trajeto da Procissão do Senhor dos Passos:


Sábado, 21/03 - 20h
Transladação da imagem do Senhor Jesus dos Passos e da Nossa Senhora das Dores da Capela Menino de Deus para a Catedral de Florianópolis.



Domingo, 22/03 - 16h
Procissão do encontro das imagens e retorno à Capela Menino Deus.




249ª edição da Procissão do Senhor dos Passos - Programação

Categorias: Março 2015
Deixe seu comentário!
comentários







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 04 Dezembro 2016 8° Algodão Doce Especial Natal reúne arte,... >> Especiais / Outros
até 04 Dezembro 2016 Festival de Queimas Cerâmica Alternativa 2... >> Educação / Cursos
até 06 Dezembro 2016 Filme "O Filho Eterno" de graça ... >> Cinema Gratuito
até 17 Dezembro 2016 Inscrições para oficinas gratuitas de comp... >> Educação / Cursos
até 25 Dezembro 2016 Inscrições abertas para o 4º Bazar Vegano ... >> Especiais / Outros
até 28 Maio 2017 Ironman Florianópolis 2017 abre inscrições >> Esportes
Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter
Buscar