FaceBook Twitter Google+
Início » Arquivo » Eventos de Abril 2017
Espetáculo "As duas mortes de Roger Casement" e leitura da peça "Eclipse" no "Irish Theatrical Diaspora"



Quando: 27 e 28 de abril
Onde: Teatro da UFSC – DAC
Endereço: Praça Santos Dumont, 117 - Trindade
Quanto: Gratuito

A 13ª edição do congresso internacional e interdisciplinar The 13th Annual Irish Theatrical Diaspora: Irish Theatre and Latin America será realizada na Universidade Federal de Santa Catarina, no auditório Henrique Fontes localizado no Centro de Comunicação e Expressão (CCE, Bloco B) e no Teatro da UFSC, nos dia 27 e 28 de abril de 2017. É a primeira vez que o evento acontece num país da América Latina.

Teatro da UFSC recebe nos dias 27 e 28 dois espetáculos integrantes do "Irish Theatrical Diaspora", gratuitos e abertos ao público. Os ingressos serão distribuídos na bilheteria do Teatro uma hora antes do início do espetáculo, limitado a um par por pessoa.

Na quinta-feira, dia 27, às 20 horas, será apresentada a peça-documentário “As Duas Mortes de Roger Casement”, com texto e direção de Domingos Nunez e elenco da Cia Ludens, de São Paulo (pela primeira vez em Santa Catarina). E na sexta-feira, dia 28, às 17 horas, será apresentada a leitura da peça “Eclipse”, de Patricia Burke Broghan, com tradução e direção de Alinne Fernandes e elenco com alunos de Artes Cênicas da UFSC.

Apresentação 1:

Apresentação da peça-documentário “As duas mortes de Roger Casement”
Dia 27 de abril, quinta-feira, às 20 horas
Duração: 120 min, com intervalo de 15 min
Classificação: 14 anos

Última montagem da Cia Ludens, sediada em São Paulo, As Duas Mortes de Roger Casement é uma peça-documentário musicada que busca retratar a vida do cônsul e revolucionário irlandês Roger Casement.

Resultado de uma pesquisa de pós-doutorado do diretor da companhia, Domingos Nunez, junto a UNESP/São José do Rio Preto, sob a orientação do Prof. Dr. Peter James Harris e com a produção de Beatriz Kopschitz Bastos, este projeto tem como um de seus principais objetivos apresentar ao público brasileiro a personalidade e trajetória de Roger Casement.

Considerado um dos precursores na luta pelos direitos humanos, Casement atuou como cônsul da coroa britânica na África e no Brasil no final do século XIX e início do século XX, antes de se envolver integralmente com as lutas pela independência da Irlanda. Seu envolvimento com os movimentos separatistas culmina com sua captura, prisão e condenação em 1916.

Intelectual corajoso, Casement investigou e relatou abusos e atrocidades cometidas no Congo e na região amazônica por empresas estrangeiras protegidas por governos colonialistas. Negros e indígenas estavam sendo escravizados e forçados a extrair borracha. Ao perceber a relação existente entre a exploração de povos africanos e indígenas e a Irlanda, então colônia da Inglaterra, Casement abandona seu cargo diplomático e passa a militar exclusivamente pela causa irlandesa.

Entretanto, além de inúmeros outros registros oficiais, ele deixou diários escritos na África e na Amazônia brasileira e peruana, que ficaram conhecidos como “Diários Negros”. Esses documentos, de autenticidade contestada, contêm relatos de experiências homossexuais promíscuas que Casement manteve com menores de idade em países tropicais, em troca de dinheiro. O aparecimento desses diários durante o processo instaurado pela justiça inglesa para julgar Casement por alta traição foi determinante para a sua condenação.

A peça As Duas Mortes de Roger Casement procura ilustrar em dois atos as duas facetas que compõem a personalidade dessa personagem.

A Cia. de Teatro
A Cia Ludens é uma companhia de teatro, sediada em São Paulo, que se dedica à pesquisa sobre tradução e encenação de peças irlandesas ou de temática irlandesa há 14 anos. O objetivo do evento “The 13th Annual Irish Theatrical Diaspora: Irish Theatre and Latin America” é discutir a história do estudo, ensino e prática do teatro irlandês no contexto latino-americano, bem como questões teóricas relacionadas a processos de tradução, globalização e interculturalismo. Para isso, o evento reúne pesquisadores, professores, estudantes e praticantes do teatro irlandês no Brasil e na América Latina. Para dinamizar a relação entre teoria e prática, o congresso inclui a apresentação de duas peças de teatro, sendo uma delas “As duas mortes de Roger Casement”.

FICHA TÉCNICA:
Texto e direção: Domingos Nunez
Produção: Beatriz Kopschitz Bastos e Silvia Marcondes Machado
Composição musical: Alberto Heller
Letras: Domingos Nunez
Direção musical: Eliseu Paranhos
Cenografia e figurinos: Cassio Brasil
Iluminação: Aline Santini
Preparação de elenco: Inês Aranha
Preparação corporal: Janette Santiago
Design de som: André Omote
Operação de luz: Gabriela Araújo
Operação de som: Jeferson Santos
Camareira: Lili Rosa
Assistente de produção: Marcela Sanchez
Assistente de palco: João Jullo
Fotos: Leekyung Kim
Realização: Cia Ludens
Elenco: Amanda Acosta, Bruno Perillo, Chico Cardoso, Eliseu Paranhos, George Passos, Kiko Pissolato, Paulo Bordhin, Taiguara Nazareth e o Pianista DemianPinto

Apresentação 2:

Leitura Dramática de “Eclipse”
Dia 28 de abril, sexta-feira, às 17 horas

Eclipse é uma peça teatral em dois atos que trata das condições a que mulheres consideradas “pervertidas” eram submetidas até o final dos anos noventa na Irlanda. A peça da dramaturga irlandesa Patricia Burke Brogan (1992), em tradução ainda não publicada da professora doutora Alinne Fernandes, trata das condições a que mulheres engravidassem fora do âmbito conjugal eram enviadas pelas próprias famílias aos chamados Asilos de Madalenas, onde eram forçadas a trabalho não-remunerado e separadas de seus filhos, que, por sua vez, eram conduzidos à adoção. Por meio da tradução e produção de “Eclipse”, este projeto de extensão em forma de leitura dramática visa refletir sobre os modos como o governo irlandês tem lidado com os seus cidadãos considerados vulneráveis e, estendendo as questões da peça irlandesa para o Brasil, visa também pensar de que modos às questões políticas e sociais da Irlanda refletem problemas brasileiros.

A leitura dramática, sob direção de Alinne Fernandes, é um projeto do Núcleo de Estudos Irlandeses (DLLE/CCE) em parceria com o curso de Artes Cênicas do DALI/CCE/UFSC.

Participação dos alunos:
Atores: Anna Lia Araújo Sant’Anna,Joelma Santos Souza, Kyttiane Nayara Kittel, Leonardo Vieira, Lidiane Nobre de Mesquita, Mariana Barreiros, Marlei Albrecht e Taciane Saldanha Dürings.
Operador de Luz
Paulo Ricardo Witt Tomazoni com a colaboração de Nilson José da Silva (DAC)
Operadoras de Som
Larissa Dias Peligrini e Sophia Catarina Rosa Espetáculo "As duas mortes de Roger Casement" e leitura da peça "Eclipse" no "Irish Theatrical Diaspora"

Categorias: Abril 2017
Deixe seu comentário!
comentários







Cinema Gratuito
Exposições


Inscrições abertas
até 20 Julho 2017 Inscrições para cursos de inverno gratuito... >> Educação / Cursos
até 20 Julho 2017 Inscrições para oficinas gratuitas de foto... >> Educação / Cursos
até 21 Julho 2017 Inscrições para oficina gratuita de mediad... >> Educação / Cursos
até 24 Julho 2017 Aulas gratuitas de Tango no Palácio Cruz e... >> Dança
até 25 Julho 2017 Conferência de Patrimônio Cultural em Risc... >> Educação / Cursos
até 29 Julho 2017 Projeto Museus Virtuais terá 22 sessões gr... >> Exposições
Curta nossa Fan-page
Siga-nos no Twitter
Buscar